SE QUISER QUE SEJA FEITO, DESCOMPLIQUE!

Documentos elegantes, processos bem descritos e instruções operacionais pormenorizadas de nada adiantam se não forem registradas corretamente.

Muitas vezes, o gestor da qualidade, ao tentar monitorar e registrar determinados processos, cria burocracia e complicações desnecessárias.

O registro dos processos, se não for automatizado, deve ser “ergonômico”, isto é, deve ser intuitivo e o mais simples possível para que haja adesão e constância por parte das áreas operacionais na sua utilização.

Reportes que requerem longos textos descritivos, conferência imediata de um supervisor ou anotações recorrentes em vários formulários tendem a ser abandonados ou até mesmo negligenciados pelos operadores.

O arquivo para download é um exemplo que mostra um jeito simples e eficiente de anotar manualmente um CIQ diário, bem como as eventuais ações corretivas. A tabela atende a todas as normas de registros de CIQ. Note que, para cada coluna de analito existe uma coluna AC – ações corretivas. As ações corretivas são anotadas de maneira mnemônica conforme a legenda no final da tabela.

Algumas configurações do seu editor de texto podem fazer com que a planilha ocupe duas páginas. Alterar os tamanhos de fontes ou as configurações da página para paisagem pode ajudar a resolver o problema.

FR CIQ – MODELO